(48) 3028-7070
Ortopedia e Cirurgia da Coluna

Microdiscectomia aberta versus discectomia minimamente invasiva

Por Gustavo. 21 de setembro, 2014. Comente este post

O termo cirurgia de coluna minimamente invasiva vem ganhando cada vez mais atenção. Alguns consideram cirurgia minimamente invasiva a que é realizada através de pequenas incisões, com menor dissecção ou agressão as partes moles, e consequentemente menor dor no período pós-operatório com melhor recuperação. Baseado nestes critérios, muitas cirurgias para retirada de hérnia de disco (discectomia) atualmente realizadas são consideradas minimamente invasivas, já que as incisões desta técnica variam de 2 a 4 centímetros e os pacientes permanecem internados no hospital menos de 24 horas. Não muito tempo atrás, os pacientes permaneciam vários dias internados para tratamento de hérnia de disco, grandes incisões eram realizadas e a recuperação era lenta.

Outros porém preferem classificar como discectomia minimamente invasiva, cuja incisão tem de 1,8 a 2,5 centímetros, a técnica que em sua abordagem preserva o músculo multífido. Este músculo, localizado junto aos processos espinhosos, é considerado um importante estabilizador da coluna vertebral. Na técnica aberta ele é descolado lateralmente, diferente da técnica minimamente invasiva cujo acesso acontece lateralmente a ele, com o auxílio de tubos ou retratores, como mostra a foto abaixo.

Mas a grande verdade é que para tratamento cirúrgico de doença discal de um único nível, principalmente para abordagens unilaterais, ainda não existem trabalhos com alto grau de recomendação que mostrem que as técnicas menos invasivas, incluindo a vídeo-endoscopia, apresentem melhores resultados clínicos que a abordagem aberta tradicional (microdiscectomia). O que se sabe é que para cirurgias maiores, principalmente nas artrodeses (cirurgias de fixação / fusão entre as vértebras), as abordagens menos invasivas (mini open visual) têm se mostrado uma excelente opção.

Como mensagem final, podemos afirmar que as técnicas menos invasivas vieram para ficar, certamente. Mas sua real necessidade e indicação deve ser discutida com médico de confiança. A abordagem tradicional ainda promove excelentes resultados com muita segurança.

 

Referência:

1. Cochrane Database Syst Rev. 2014 Sep 4;9:CD010328. [Epub ahead of print]. Minimally invasive discectomy versus micro discectomy / open discectomy for symptomatic lumbar disc herniation. Rasouli MR, Rahimi-Movaghour V, Shokranela F, Moradi-Lokeh M, Chour R.

 

Cirurgia de hérnia de disco Dr. Gustavo Carriço Florianópolis SF36+ dor lombar

404
Dr. Carriço - Clínica da Coluna Vertebral, R. Idalina Pereira dos Santos, 67, sala 406, Agronômica, Florianópolis/SC, Fone 48 3028-7070
Horário de atendimento: 08:00 às 12:00 e 13:00 às 17:00